Lucas Sia sanciona PL que tomba Corporação e Retreta como bens imateriais e culturais

Ato vai de encontro às celebrações de aniversário de 97 anos da Corporação Musical

O prefeito Lucas Sia (PSD) sancionou, na tarde desta quinta-feira (24), o Projeto de Lei (PL) que tomba a Orquestra Sinfônica Jovem e o Projeto Retreta – ambos fruto da Corporação Musical 24 de Junho – como bens de natureza imateriais e culturais de Artur Nogueira. O PL, de autoria do vereador Melinho Tagliari (DEM), foi assinado durante cerimônia restrita na sede da banda. 

O ato vai de encontro às celebrações de aniversário de 97 anos da Corporação, comemorado nesta quinta-feira.  Fundada em 1924 pelo português Daniel Cezário de Andrade, a famosa “banda”, como é chamada pelos nogueirenses, é considerada a mais antiga instituição da cidade de Artur Nogueira e atende milhares de jovens e adolescentes anualmente.

Vale destacar que a Orquestra Sinfônica, que se tornou bem imaterial nesta tarde, é resultado da parceria entre a Prefeitura de Artur Nogueira e a Corporação Musical 24 de Junho. Formada por professores, alunos e voluntários, a Orquestra é reconhecida por todo o território nacional, e até mesmo no exterior, como um grupo de excelência.

O grupo de músicos conta com o apoio de diversos artistas e da imprensa local, inclusive da EPTV Campinas, afiliada da TV Globo, que no ano de 2018 escolheu a Orquestra Sinfônica para abrilhantar o programa especial em comemoração aos 40 anos da emissora, ao lado de grandes nomes da música sertaneja.

Segundo Sia, o tombamento tem a intenção de valorizar os trabalhos sociais e educacionais desempenhados pela Corporação, e que colaboram para o desenvolvimento do município. “Nossa banda constitui parte da identidade de Artur Nogueira, já que ela foi fundada antes mesmo da emancipação da cidade. Mais uma vez estendo meus parabéns à essa maravilhosa instituição e reafirmo meu compromisso de sempre apoiar essa nobre causa”, destacou Sia.

Além do prefeito, estiveram presentes na cerimônia a chefe de gabinete Mayra Barbosa, a secretária de Educação Débora Sacilotto, e o secretário de Cultura Renato Carlini.

“Eu me considero um membro dessa equipe, e é motivo de muito orgulho celebrar esse quase centenário da corporação, da qual grande parte da minha família fez parte”, disse Carlini.

“Sou apaixonada por esse projeto incrível que é a Corporação, que fez parte da minha infância. Posso citar várias coisas que a música consegue fazer com as nossas crianças, desde o lado pedagógico, até o lado psicológico e intelectual. Gratidão pelo trabalho incrível, e destaco que a secretaria de educação está sempre de portas abertas para que a banda possa fazer cada vez mais por nossas crianças”, complementou Débora.

PROJETO RETRETA

Em 2010, em parceria com o Prefeitura de Artur Nogueira, a Corporação Musical deu vida ao Projeto Retreta, que hoje conta com mais de 3 mil alunos atendidos de forma gratuita na sede da banda e nas escolas municipais. Conforme o secretário de Cultura Renato Carlini, o projeto oferece aulas de musicalização, instrumentos musicais e canto coral, com vistas à formação de público e de músicos para as mais diversas formações, bem como a difusão da música como método de propagação de cultura.

“Comemorar mais um ano da Corporação 24 de Junho é motivo de muito orgulho para nós cidadãos nogueirenses. A cultura de nosso município teve seus alicerces nesta entidade quase secular. E hoje, através do Projeto Retreta, difunde a arte da música de uma maneira abrangente, não fazendo distinção de classe social ou idade. Enquanto secretário de Cultura fico muito feliz em fazer parte, e fortalecer essa Instituição”, destacou Carlini.

ATIVIDADES ON-LINE

as ações on-line visam dar continuidade às atividades da Corporação Musical 24 de Junho, mantendo assim acesa a chama da prática musical em Artur Nogueira.

Para levar música aos lares nogueirenses, e ainda capacitar os alunos do projeto, a orquestra deu vida ao “Quarentena Artística”, onde os músicos realizam gravações de clipes musicais de casa e com os recursos que lhe estão disponíveis. 

Estas produções já contaram com participações especiais nacionais como Hudson Cadorini, Derico Sciotti, Chiquinho Oliveira, João Côrtes (ator contratado da Rede Globo), cantor Daniel e participações internacionais como Thea Dannos (USA) e Shawn Klush (USA – considerado, pela Graceland, o maior artista de tributo a Elvis Presley). Tais vídeos foram exibidos, além das plataformas digitais, pela EPTV Campinas.

Relacionadas